Confusões botânicas: zaatar

Confusões botânicas: zaatar

Outro nome que gera bastante confusão por aqui e o zaatar. A primeira confusão é em relação a escrita, existem diversas formas de grafia, como zaatar, zahtar, zah’tar e za’atar. Por aqui optamos, apenas por padronização, sempre escrever zaatar.

Mas afinal, o que é zaatar? Vamos lá, ele pode denominar basicamente três coisas distintas:

Thymbra spicata: espécie de arbusto muito conhecido e utilizado dentro da culinária árabe e israelense. Suas folhas possuem sabor e aroma similares ao tomilho e orégano, porém seu porte é mais similar a segurelha (Satureja hortensis) e são utilizadas para temperar carnes, molhos e até mesmo são consumidas como hortaliça.

 

Ocimum gratissimum var. microphyllum: espécie de manjericão/alfavaca muito confundida com o Thymbra spicata devido ao aroma similar. É uma arbusto de médio porte com folhas largas, grandes e aveludadas, as quais lembram a da alfavaca (Ocimum gratissimum). Pode-se usar nos mesmos preparados que o zaatar verdadeiro (acima), porém é indicado picar bem por conta de ser mais fibroso e aveludo.

 

Zaatar: blend de tempero típico do Oriente Médio, o qual pode levar orégano, tomilho, zaatar, sumagre e gergelim branco. Comumente usado em pães, saladas, patês, carnes, como quibe, e muito mais.

 

Av. Nadir Dias de Figueiredo, 395 – Vila Maria, São Paulo
(11) 2631-4915
sabordefazenda@sabordefazenda.com
Fechar Menu
×

Carrinho