Melissa e seus poderes

Melissa e seus poderes
Gabriela Pastro

E a nossa erva aromática da vez é a melissa (Melissa officinalis).  Ela também pode ser chamada de erva-cidreira, sendo muito confundida com seus parentes de nomes populares: capim-limão (Cymbopogon citratus), cidreira-de-árvore (Lippia alba) e erva-luiza (Aloysia triphylla). Isto por que, aqui no Brasil, costumamos chamar de erva-cidreira toda planta que acalma.

Melissa_Gabi_Pastro (4)

Ela é herbácea perene, rasteira, aromática, ramificada desde a base, ereta, de 30-60 cm de altura. Flores de cor creme, dispostas em racemos auxiliares. Suas folhas possuem um leve aroma e sabor limonado. Além de comestível, ela é lindamente ornamental, servindo como cobertura de vasos e canteiros. Ou apenas compondo sozinha, em um recipiente de plantio. 

Prefere climas quentes, porém não tolera o calor excessivo. Dá-se bem em locais parcialmente sombreados. Não suporta invernos rigorosos e geadas. Prefere solo rico em matéria orgânica, com boa umidade e bem drenado. Propaga-se por sementes, divisão de touceira e por estaquia.

Na medicina popular é utilizada para tratar cólicas. Possui propriedade calmante, auxilia no sono tranquilo e libera a ansiedade. Também possui ação digestiva, sendo uma ótima opção para chá e água aromatizada após o almoço. Suas folhas podem ser utilizadas também como tempero, como para aromatizar saladas e licores. 

Seu macerado pode ser utilizado como repelente de insetos, devido à presença do óleo essencial citral, também presente no capim-limão, citronela, cidreira de árvore e erva-luisa.


uso_tradicional_das_plantas_medicinais

Aprenda mais sobre o uso das plantas medicinais no dia a dia durante o curso Uso Tradicional das Plantas Medicinais com Débora Morato e Gabriela Pastro. Será dia 30/julho das 9h00 – 13h30. Valor: R$ 218,00. Conteúdo completo aqui. Inscrições: (11) 2631-4915.

 

Av. Nadir Dias de Figueiredo, 395 – Vila Maria, São Paulo
(11) 2631-4915
sabordefazenda@sabordefazenda.com

Deixe uma resposta