Louro(Laurus nobilis)

Família:Lauraceae

Origem: Ásia Menor

Outros nomes populares: loureiro, louro-comum, bay laurel (inglês), bay tree (inglês), grecian laurel (inglês), sweet true (inglês), laurel (inglês e espanhol), lauro (espanhol).

Características botânicas: arbusto grande ou arvoreta de 2-4 m de altura, ramificada, aromática. Flores amarelas. Suas folhas são fortemente aromáticas.

Cultivo-Solo/Clima: não é uma planta muito resistente nem muito tolerante. Precisa de climas amenos, não resistindo a ventos fortes, muito calor e geadas. Prefere solo bem drenado, fértil, rico em matéria orgânica. Precisa de boa dose de luz solar e pode ser mantida em grandes vasos ou canteiros. Apesar de ser uma planta de clima temperado, pode ser cultivado nas regiões tropicais, porém nessas condições apresenta um crescimento muito pequeno sendo raríssimas as ocasiões que floresce e dá frutos. Propaga-se por alporquia. Para este tipo de propagação devem-se retirar folhas de 15 a 30 cm da ponta de cada caule ou ramo e faça uma incisão vertical com 5 a 7 cm de comprimento, bem superficial. Use uma faca afiada. Uma alternativa reside em fazer uma dupla incisão circular, retirando a casca entre dois cortes. Isso permite que os tecidos internos da planta não sejam agredidos. Mergulhe um pincel macio em pó de hormônio enraizador e passe-o na superfície cortada. Segure a incisão com uma das mãos se, com a outra, pincele o pó.

Usos medicinais, culinários e/ou ornamentais: as folhas são largamente utilizadas na culinária de diversos países, como condimento de pratos doces e salgados. É muito empregada na medicina tradicional sendo considerada estimulante do apetite e da digestão, anti-séptica e resolutiva.

Partes usadas: folhas.

Envie uma mensagem pelo formulário abaixo ou nos chame pelo Whatsapp (11 98426-6564)

Categoria: