Marcela (Chamaemelum nobile)

Família: Asteraceae

Origem: Europa Ocidental

Outro nome científico: Anthemis nobilis L.

Outros nomes populares: camomila-de-paris, camomila-romana, falsacamomila, macela, mançanela, chamomile (inglês), roman chamomile (inglês), camonila común (espanhol), mazanilla romana (espanhol).

Características botânicas: planta herbácea, perene, de aspecto verdeesbranquiçado e altura entre 7-30 cm. Caules prostrados ou eretos e flores amarelas que florescem entre junho-setembro. Apresenta cheiro penetrante e sabor amargo. Com um aspecto muito diferente da camomila, os caules desta planta, primeiro prostrados, erguem-se seguidamente, formando numerosas ramificações que se dispõem sem rigidez e terminam em capítulos solitários brancos, muito odoríferos.

Cultivo-Solo/Clima: muito resistente e pouco exigente em relação ao solo e à água. Pode ser plantada em canteiros como forma de forração. Reproduz-se por sementes e divisão de touceiras.

Usos medicinais, culinários e/ou ornamentais: utilizada para tratamento de cefaléia, cólica, conjuntivite, depressão, digestão, dor, irritabilidade e nervosismo. O talo e as extremidades floridas são usados secos ou frescos em infusão, aromática e ligeiramente amarga. É confundida muitas vezes com a macela alemã, Matricaria chamomilla. O óleo essencial é empregado em aromaterapia, e a infusão das flores é aplicada no cabelo para incrementar sua cor dourada, em especial nas crianças. Tal propriedade é inclusive aproveitada na composição de xampus e outros preparados para cabelo.

Partes usadas: folhas e flores.

 

ATENÇÃO: as informações aqui contidas são apenas para interesse didático. Antes de consumir qualquer planta medicinal consulte seu médico ou fitoterapeuta.

Envie uma mensagem pelo formulário abaixo ou nos chame pelo Whatsapp (11 98426-6564)

Fechar Menu
×

Carrinho