Qual a luminosidade ideal para a horta?

Qual a luminosidade ideal para a horta?

 

©Denise Lindorfer
©Denise Lindorfer

Quando conversamos com pessoas que estão no começo da jornada das hortas sempre surgem dúvidas do tipo…preciso deixar as plantas no sol? Quanto tempo? Vale sol indireto?

Bom, como sempre falamos, o tempo mínimo de exposição das ervas, temperos e hortaliças é, de modo geral, de 4 horas de sol direto e diário. Sem este período, por exemplo, as plantas aromáticas (ervas e temperos) se tornarão sem aroma e sabor….e é justamente o que não queremos, né!?

Para solucionar isto, escolha, se possível, um cantinho voltado para a face Norte na hora de montar sua horta, pois ela é a face que recebe mais sol ao longo do dia e do ano.

De acordo com o paisagista Raul Cânovas, em seu livro Um Jardim para Sempre, ocorre a seguinte distribuição do sol em cada face:

Norte: maior período de exposição, com em média nove horas por dia.

Sul: luminosidade intensa durante três horas do dia, somente pela tarde.

Leste: luminosidade intensa durante seis horas por dia, durante a manhã.

Oeste: luminosidade intensa durante seis horas por dia, durante a tarde.

Lembramos que de agora até o inverno os dias se tornam cada vez mais curtos, ou seja, há menor disponibilidade de luz solar. Neste post aqui nós discutimos como manter a horta no outono.

Dica: você consegue perceber quando a planta está com falta de sol quando ela começa a ficar estirada. Neste post aqui damos mais dicas de como reconhecer este problema.

Agora, bora colocar estas plantas no sol! 🙂

Av. Nadir Dias de Figueiredo, 395 – Vila Maria, São Paulo

 

 

Este post tem um comentário

Deixe uma resposta