Cana do Brejo (Costus spiralis)

Família: Zingiberaceae

Origem: América do Sul

Outros nomes populares: caatinga, cana-branca, cana-de-macaco, corkscrew ginger (inglês), indian head ginger (inglês), caña de arroyo (espanhol), cañuela santa (espanhol).

Características botânicas: herbácea entouceirada com hastes semelhantes à cana. Folhagem e flores ornamentais. Inflorescências com flores brancas, róseas ou vermelhas. Pode atingir entre 1,00 – 1,80 m de altura.

Cultivo-Solo/Clima: é cultivada como touceira isolada ou em grupos, em canteiros. Gosta de solo rico em matéria orgânica e pantanoso. Desenvolve-se melhor em clima temperado a quente. Multiplica-se facilmente por estacas e por divisão de touceiras.

Usos medicinais, culinários e/ou ornamentais: hastes, folhas e raízes são diuréticas, tônicas e aplicadas no tratamento das doenças venéreas. Princípios ativos: ácido oxálico, inulina, taninos e matérias pécticas. O chá das folhas é diurético, febrífugo, contra o catarro e afecções da bexiga e para inflamações dos rins, antireumático, antilítico. O sumo do colmo é usado para picadas de insetos e também para diabetes.

Partes usadas: folhas, hastes e raízes.

Envie uma mensagem pelo formulário abaixo ou nos chame pelo Whatsapp (11 98426-6564)

Categoria: